Como fazer uma ilustração – 2º parte Arte-final

Como fazer uma ilustração – 2º parte Arte-final

Leia todas as partes do passo-a-passo AQUI!

Pode parecer que arte-final exige pouca ou nenhuma criatividade. Isso não é verdade. Pode parecer também que a ela não influência muito no resultado final de uma ilustração ou de uma história em quadrinhos, mas ela pode fazer toda a diferença. Dependendo do material utilizado na arte-final o resultado pode ser muito diferente, e existe uma grande variedade de técnicas e materiais de arte-final. Enquanto que para o desenho, tem apenas lápis ou lapiseira.

Arte-final exige precisão, a função do arte-finalista é interpretar o desenho com um outro material, realçar o seu traço e torná-lo definido. Muitas coisas em uma ilustração são definidas somente durante a arte-final, como texturas e degradês de luz e sombra. Enfim, uma arte-final pode até salvar um desenho ou estragá-lo completamente.

Como já deu para perceber, vou falar das técnicas e materiais para arte-final que utilizo. Já confessei aqui nesse blog que tenho certa dificuldade com a arte-final. Demorei até encontrar uma técnica razoável, e talvez esse post ajude quem também tem problemas com arte-final como eu.

 

Photobucket

 

2º parte – Arte-final

Esses são os materiais que utilizo na arte-final, canetas de nanquim descartáveis de vários números (nessa ilustração usei a 0,2 para quase tudo e 0,05 para os detalhes), essas réguas chamadas de curvas francesas e a mesa de luz. Sem esses materiais, eu estaria perdido. Já tentei várias técnicas de arte-final e foi com essa que me sai melhor.

 

Photobucket

Com uma cópia quase sempre ampliada do desenho original, faço a arte-final dele utilizando a mesa de luz. A mesa de luz é uma superfície translúcida, de vidro ou acrílica, com um foco de luz por baixo que cria o efeito de transparência no papel permitindo enxergar o que está por baixo. Ela permite fazer arte-final em uma folha separada da do desenho. As vantagens disso são que não é preciso apagar o lápis depois da arte-final, e caso aconteça algum problema na arte-final não se perde o desenho a lápis.

 

Photobucket

A curva francesa me permite manter um traço firme, mas requer uma certa prática até se pegar o jeito. Encontrar a curva certa pode ser meio demorado no inicio, mas depois fica quase automático.

Tento simular o efeito de pincel com a caneta e a curva francesa. Gosto de um traço limpo e com volume.

E ai está o desenho arte-finalizado! O próximo post é sobre pintura dele.

 

Photobucket


Maurício Dias
Professor adjunto do Curso Dinamo HQ, e criador da série Retro City

 

Tento simular o efeito de pincel com a caneta e a curva francesa. Gosto de um traço limpo e com volume.

Deixe um comentário

comments

2 comentários sobre “Como fazer uma ilustração – 2º parte Arte-final

  • cara, com essa dificuldade q vc tem na arte final eu seria o desenhista mais feliz de todos… muito boa msm sua arte….respeito total ae….e vlw por ter apresentado a mesa de luz gostei mt…e tbem por ter apresentado a curiosidade da folha por cima, eu nunca tinha tinha pensado nisso, fassilitou mt minha vida vlw mano…

Os comentários estão fechados.